O consumidor brasileiro enfrenta, além de quedas constantes de energia nos grandes centros urbanos, contínuos aumentos na tarifa energética por todo país. Isso tem feito muita gente buscar alternativas para suprir o seu consumo. A energia solar térmica e fotovoltaica estão entre as escolhas mais populares de quem deseja economizar na conta de luz.

Isso porque a energia solar oferece facilidade de instalação e custos bastante acessíveis para investimento. Porém, ainda é muito comum existirem várias dúvidas acerca desses dois tipos de energia provenientes do sol.

Por essa razão, neste post nós vamos esclarecer as principais questões que envolvem o assunto. Leia até o final e veja quais são as diferenças centrais entre a energia solar térmica e a energia solar fotovoltaica.

Energia Solar Térmica

O quesito fundamental que difere a energia solar térmica da fotovoltaica é que a primeira é usada apenas para aquecimento, enquanto a segunda produz eletricidade. Vejamos mais informações sobre a energia térmica.

1. Usa o sol para aquecer

Essa ferramenta também leva o nome de aquecimento solar. Isso porque ela utiliza a irradiação do sol para aquecer determinado fluido, que pode ser desde a água do seu chuveiro até processos industriais. Além disso, a energia térmica pode ser aplicada para o aquecimento de ambientes em locais de frio intenso.

2. Produz água quente para o banho

Esse tipo de energia é bastante conhecida por aqui, pois tem um custo bem acessível. A utilização mais comum é para aquecer a água. Assim, o imóvel deixa de usar chuveiros elétricos, que são grandes vilões da conta de luz.

3. Converte radiação solar em energia térmica

A energia solar térmica consegue realizar a conversão de mais ou menos 90% da radiação do sol em calor.

e-book gratuitoPowered by Rock Convert

Energia Solar Fotovoltaica

A energia solar fotovoltaica atende uma unidade consumidora em todas as suas necessidades energéticas. Isso porque ela é capaz de produzir eletricidade para um imóvel comercial e residencial, à indústria ou agronegócio, por exemplo. Saiba mais sobre essa energia.

4. Conversão da luz do sol diretamente em eletricidade

A energia solar fotovoltaica é produzida por meio da conversão direta da luz do sol em energia elétrica. Quem faz esse trabalho são os módulos fotovoltaicos ou células fotovoltaicas. Essa parte do sistema capta a irradiação solar, que é levada até o inversor. Por sua vez, essa peça é incumbida de transformar a energia gerada em corrente contínua para corrente alternada. Feito isso, a energia elétrica está pronta para ser consumida pelo imóvel.

5. Painéis constituídos por células de silício

As placas fotovoltaicas mais comuns são compostas de silício. Esse é um elemento químico com funções semicondutoras, um intermediário entre condutor e isolante, perfeito para a produção de energia solar.

6. Desconto muito maior na conta de luz

A energia solar fotovoltaica proporciona uma economia de até 95% na sua conta de luz. Esse valor só não é zerado nos sistemas conectados à rede de distribuição pois a concessionária tem o direito de cobrar o custo de disponibilidade na sua fatura de energia elétrica.

O consumo consciente passa pela percepção de que é preciso evitar o desperdício de energia. Se cada um de nós fizermos a nossa parte, os danos ao meio ambiente podem ser consideravelmente minimizados.

A energia solar térmica e fotovoltaica são excelentes alternativas para isso. Vale ressaltar que a energia fotovoltaica oferece uma gama muito mais completa de utilidades, pois todos os seus eletrodomésticos se alimentarão dessa fonte energética. Por esse motivo é a solução ideal para reduzir o custo com eletricidade.

Quer gastar menos com energia? Entre em contato conosco e faça uma simulação grátis do seu projeto!

Comments

comments