O Banco Santander Brasil aprovou no mês de agosto uma nova linha de crédito para financiar a compra de equipamentos fotovoltaicos, o que deve aquecer ainda mais o crescente mercado de energia solar no país.

Quem quiser adquirir um sistema de energia solar poderá obter juros a partir de 0,99% ao mês para parcelamentos em até 36 vezes, ou 1,08 ao mês para parcelamentos de 37 a 48 vezes. Produtores rurais que utilizam a modalidade CDC Agro Solar também serão beneficiados com taxas de 1,12% ao mês.

e-book gratuitoPowered by Rock Convert

Segundo o Santander, sua nova linha de crédito possui a menor taxa praticada no mercado atualmente, comparada à segunda menor taxa oferecida, de 1,69% a.m. Estima-se que um valor próximo de R$ 1,8 bilhão será investido em financiamentos de sistemas de energia solar até 2021. A condição atual no país é favorável para isso. Segundo um boletim do Ministério de Minas e Energia divulgado em agosto, foi divulgado uma alta anual de 577% na capacidade instalada em sistemas fotovoltaicos, o que torna a geração de eletricidade por energia solar a modalidade que mais cresce no Brasil.

Para fazer parte desse crescimento, a Solarprime aceita todas as linhas de crédito e oferece também as maiores garantias do mercado, o que torna o financiamento acessível e seguro. Para conhecer melhor nosso sistema, acesse o site www.solarprime.com.br.

Comments

comments