Um grande desafio do mercado imobiliário é estabelecer precificações. Inúmeros fatores influenciam e interferem na valorização de imóveis, mas poucos sabem identificá-los.

O processo de valorização acontece a partir de um valor inicial dado ao bem, seja no mercado residencial ou comercial, e vai aumentando de acordo com modificações e transformações feitas no imóvel, em seus arredores e de acordo com a oscilação do mercado.

Todo esse movimento nos preços é altamente rentável para quem investe no ramo, lucrando com a especulação ou em fundos imobiliários. Pensando nisso, listamos uma série de fatores que você precisa saber na hora de negociar, os quais ampliam a valor do bem. Confira!

1. Localização

Para especialistas nesse ramo, um dos aspectos mais importantes ao se avaliar um imóvel é o lugar em que se encontra. A precificação é muito dinâmica, podendo variar mesmo que a edificação tenha estrutura, tamanho e acabamentos similares, pois o que se analisa é em qual rua, bairro e cidade se encontram.

Assim, lugares que possuem uma população com renda elevada tendem a ser mais visados e procurados, independentemente se for casa, apartamento ou loja. O potencial de crescimento do local também conta muito, principalmente em áreas urbanas.

2. Estrutura

Adentrando ao imóvel, aqueles que possuem áreas de lazer completa, muitas vagas de garagem e acabamentos externos luxuosos, são sempre mais bem vistos na avaliação.

Além disso, a capacidade de suportar novas reformas sofre influência no preço. Por isso, deve-se sempre fazer um bom alicerce e estruturas inteligentes. Patrimônios tombados por lei já não podem ter a fachada alterada e, com isso, quase não conseguem ser negociados.

Devemos nos atentar a conservação do bem, se é economicamente viável e gera altos custos para gerir. Quanto maior for a manutenção, menor será sua precificação.

3. Segurança

Em um bairro consolidado que as pessoas da rua já se conhecem ou pelo menos tem noção do dia a dia uns dos outros, diminui a possibilidade de ocorrer atos ilícitos dentro de construções irregulares.

e-book gratuitoPowered by Rock Convert

No entanto, os índices de criminalidade da região também são fundamentais para regular a segurança do lugar, portanto, quanto mais tranquilo o bairro é, mais alto o valor do imóvel.

Outro aspecto que contribui para a valorização de imóveis é ter policiamento constante, segurança privada contratada pelos moradores, portaria funcionando 24 horas e sistemas com câmera de segurança. Entretanto, locais com delegacias, sistemas prisionais e socioeducativos, diminuem bastante o preço do imóvel, pela exposição ao risco.

4. Regularidade das documentações

Aqueles imóveis que se encontram em situação de irregularidade com as taxas e impostos da prefeitura, sem a documentação completa ou mesmo em processo judicial de inventário, prejudicam sua precificação.

A exemplo estão os prédios que fizeram cobertura, sem autorização para construir a área superior. Isso gera despesas futuras na correção do IPTU (Imposto sobre Propriedade Territorial Urbana), além de multas retroativas. Assim, a pessoa tende a buscar por um bem com o abatimento desses encargos.

5. Energia Solar

A preocupação com a sustentabilidade e com a economia são pautas das grandes construções há um bom tempo. E é nesse contexto que a energia solar se sobressai, como um item que ajuda na valorização do imóvel. Contar com um sistema de energia solar influencia diretamente na diminuição da conta de luz e na redução de poluição.

Outro ponto fundamental é a manutenção mínima, importante para a realização da limpeza dos painéis. Por isso, quando se pensa nas fontes alternativas de energia e na valorização do imóvel, esta é uma opção diferenciada, por apresentar grande praticidade.

Como você pode perceber, muitos fatores estão envolvidos na valorização de imóveis. Assim, para fazer um bom investimento é preciso conhecer amplamente esses aspectos para saber se o preço estipulado é justo ou não. Isso torna o bem diferenciado frente à concorrência e as chances de fazer um bom negócio aumentam consideravelmente.

E então, achou interessante aprender sobre valorização de imóveis? Compartilhe o texto em suas redes sociais para que parentes e amigos tenham conhecimento disso também!

Comments

comments